pixel
 
pixel
pixel
cadastro | dúvidas | fale conosco | links | mapa do site  
pixel
pixel
Busca:
pixel
pixel
pixel
pixel

Áreas Temáticas

Resultados do Procel

Selo Procel Edificações

Pesquisa de Posse e Hábitos

Potencial de EE para Indústria

Eficiência nas escolas

Aquecimento solar de água

Dicas
  Você está em: Procel Info »  Notícias e Reportagens »  Notícias
Notícias
voltar

10.01.17
|
Programa de Bom Uso Energético completa dez anos com economia de R$ 4,2 milhões
Fonte: UFPE -10.01.2017
Rio Grande do Sul - A Universidade Federal de Pelotas (UFPel) desenvolve, sob a coordenação do Laboratório de Conforto e Eficiência Energética da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, um programa institucional que busca implementar o bom uso de energia elétrica na instituição, o Programa de Bom Uso Energético (Proben). Em pouco mais de dez anos de atividades, o Proben possibilitou à UFPel a economia de R$ 4,2 milhões. Ou seja, é como se a cada dez anos, a Universidade não precisasse pagar um ano de energia elétrica.

Apenas durante o ano de 2016, o custo evitado com a implementação das ações do Programa foi de R$ 1.125.000,00, o que mostra a sua importância na Instituição, pois os recursos economizados nessa área podem ser aplicados em outras necessidades da Universidade.

Para atingir este objetivo o Proben, primeiramente, trabalhou na organização das informações disponíveis e caracterização do perfil de consumo de energia elétrica da UFPel. O programa dispõe dos dados de consumo e demanda de energia elétrica dos diversos pontos da Instituição desde o ano de 2004. Isto possibilita, além de um controle dos gastos, propor ações técnicas mais consistentes, com base no histórico de energia elétrica.

A partir destes dados, que são realimentados mensalmente através das faturas da concessionária de energia, a equipe do Proben procede uma análise que indica a necessidade de revisão dos contratos de energia (demanda e estrutura tarifária) de todas as unidades da UFPel, de forma a buscar aquela que seja a menos onerosa para a Instituição.

Desde setembro de 2006, quando o Programa foi implementado, até dezembro de 2016, foi evitado um custo de mais de R$ 3,6 milhões especificamente com esta ação.

Em uma das ações mais significativas do Proben a UFPel alterou, junto à Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE), a modalidade tarifária de diversas instalações da Universidade, entre elas o Campus Capão do Leão, a Fazenda da Palma, a Barragem Eclusa do Canal São Gonçalo, entre outras. A troca de órgão público para tarifação rural possibilitou uma economia, desde janeiro de 2014, de cerca de R$ 1,6 milhão.

Outra ação importante é a correção do fator de potência das diversas instalações, evitando-se desperdícios com componentes reativas de potência. É uma medida técnica, baseada no histórico das instalações. A instalação de banco de capacitores é realizada para compensar a energia indutiva gerada por equipamentos como computadores, luminárias com lâmpadas fluorescentes, motores, entre outros. Isto evita a cobrança, por parte da concessionária, de uma energia que não é utilizada diretamente pelos equipamentos, mas circula nas redes da concessionária. Entre setembro de 2006 até dezembro de 2016 foi evitado um custo de R$ 406.440,00 com essa ação.

Programa de conscientização da comunidade universitária

Após ter sido lançado oficialmente em junho de 2014, o Proben Educação buscou o envolvimento da comunidade universitária na redução do consumo de energia elétrica da Instituição, através do uso consciente dos diversos sistemas (iluminação, condicionamento de ar, entre outros) e de uma mudança de hábitos, tratando-a com responsabilidade e sem desperdícios.

O diferencial desse Programa, em relação aos que são normalmente implementados, é a proposta de que parte dos recursos economizados com essa ação retornem às próprias unidades. Em função do percentual de economia de cada unidade, medido anualmente, uma parte dos recursos retorna à unidade no ano seguinte, elevando os recursos que podem ser utilizados para atender às necessidades específicas de cada curso.

A premiação relativa à economia dos anos de 2014 e 2015 foi repassada às unidades em setembro de 2016. Pela primeira vez na história do Programa – que iniciou em 2006 -, houve redução real de consumo – de 2014 para 2015 -, representando uma economia de 433 mil KWh, o equivalente a R$ 200 mil.

Foram redistribuídos às unidades acadêmicas quase R$ 39 mil dos recursos economizados, valor extremamente importante principalmente pela grave crise financeira do país, que se refletiu diretamente nas instituições de ensino, com redução dos recursos repassados pela União.

O reitor Mauro Del Pino, durante o evento de premiação, parabenizou o envolvimento das Unidades e o trabalho desenvolvido, que consegue combinar o crescimento da Universidade e do volume de usuários ao uso racional de energia, gerando redução de consumo apesar deste crescimento.

Referência Nacional

Atualmente, o Proben já é destaque integrando a implementação do Programa de Bom Uso Energético na Esplanada dos Ministérios. Um acordo de cooperação técnica foi firmado entre a Universidade e os Ministérios do Meio Ambiente e do Planejamento, Orçamento e Gestão. A UFPel teve a missão de institucionalizar o Proben no Programa Esplanada Sustentável (PES).

Conforme explicou o coordenador do Proben, professor Antônio César Silveira Baptista da Silva, a UFPel teve acesso ao PES de forma a conhecer o contexto e propor modificações, em intervenções que foram desde processos de gestão até programas de conscientização. Softwares desenvolvidos pela Universidade, para correção de fator de potência das instalações e adequação de contratos de energia com a concessionária foram fornecidos e capacitações aos envolvidos também foram realizadas. “Foi um reconhecimento ao investimento da UFPel na área de eficiência energética”, pontuou.

Durante o processo, que transcorreu entre julho de 2015 e setembro de 2016, foram ministrados cursos a cerca de 80 gestores de 34 diferentes órgãos da administração pública federal.

A equipe da UFPel também atuou diretamente na análise da adequação dos contratos de energia de vários órgãos com a Concessionária de Energia de Brasília (CEB), e recomendou medidas de troca de estrutura tarifária e revisão nos valores contratados, em 16 instalações avaliadas. Se todas forem realizadas, o potencial de economia anual será de R$ 1.650.000,00, com uma redução média de 5,4% dos valores atualmente pagos.

O Proben possui um site próprio, onde além do regulamento do Programa e seus objetivos, são passadas dicas de redução do consumo de energia, que podem ser replicadas inclusive fora do âmbito da UFPel. A relação dos pontos de consumo da Universidade, com os consumos e gastos mensais, também são disponibilizados no site, para que as próprias unidades possam verificar o que estão consumindo. O link para a página é wp.ufpel.edu.br/proben.

O Proben dispõe de recursos mensais que são disponibilizados pela administração superior, a partir do retorno de parte dos recursos economizados com as ações já citadas, o que garante a manutenção e o desenvolvimento do Programa.

Esta notícia não é de autoria do Procel Info, sendo assim, os créditos e responsabilidades sobre o seu conteúdo são do veículo original, exceto no caso de notícias que tenham necessidade de transcrição ou tradução, visto que se trata de uma versão resumida pelo Procel Info. Para acessar a notícia em seu veículo original, clique aqui.
  
Veja aqui a lista completa
Imagem para contabilização de acessos a páginas
Envie a um amigo
Imprimir
pixel
Imagem para contabilização de acessos a páginas