pixel
 
pixel
pixel
cadastro | dúvidas | fale conosco | links | mapa do site  
pixel
pixel
Busca:
pixel
pixel
pixel
pixel

Áreas Temáticas

Resultados do Procel

Selo Procel Edificações

Pesquisa de Posse e Hábitos

Potencial de EE para Indústria

Eficiência nas escolas

Aquecimento solar de água

Dicas
  Você está em: Procel Info »  Notícias e Reportagens »  Notícias
Notícias
voltar

05.12.16
|
Celg troca lâmpadas de graça
Fonte: O Popular - 03.12.2016

Goiás - Consumidor da Celg terá economia de até R$ 155 reais ao ano na troca de quatro lâmpadas incandescente ou fluorescente por LED, conforme novo projeto em parceria com Instituto Bioterra. A troca é gratuita e válida apenas para titulares residenciais.

Para realizar a troca é necessário o talão de energia elétrica do titular residencial, documento de identificação da pessoa que realizará a troca, não necessariamente o proprietário, e até quatro lâmpadas comuns. O pagamento da conta deve estar em dia, de preferência que seja levada a última fatura paga.

Até ontem 1,7 mil lâmpadas das 80 mil disponibilizadas pelo Instituto Bioterra já foram trocadas pela Celg. Expectativa é distribuir para 20 mil pessoas em toda a capital, nos quatro postos de troca. Os pontos fixos estão situados na Rua 261 B, próximo ao Terminal Praça da Bíblia no Setor Leste Universitário e na Avenida T-9 no Jardim Europa, próximo ao Terminal das Bandeiras. Duas unidades móveis percorrem as regiões de atendimento realizando a troca e a conscientização de moradores.

Segundo o superintendente de comercialização da Celg, Leandro Chaves de Melo, o Programa de Eficiência Energética é uma iniciativa da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para incentivar a adoção de hábitos para economia de energia. Cerca de 0,5% da arrecadação da distribuidora foi revertido para a implantação do programa. O Instituto Bioterra venceu chamada pública para realização do projeto piloto em Goiânia, que deve ser ampliado para mais cidades goianas.

“O uso consciente da energia elétrica deve chegar em toda a sociedade e gerar uma fatura menor para o consumidor”, diz. O projeto não abrange pontos comerciais, rurais e de baixa renda, por já receberem incentivos fiscais e descontos na fatura mensal. “Esse é um projeto inédito porque pela primeira vez o cliente residencial recebe esse tipo de retorno”, declara.

Segundo o gerente financeiro do Instituto Bioterra, Marcelo Aires, o projeto já substituiu mais de 33 mil lâmpadas por todo o País. “O projeto Eficiência Solidária alcançou uma redução de 2 mil W, o equivalente à demanda de uma cidade de quase 4 mil habitantes.” A cada 50 peças trocadas uma LED deverá ser doada a uma instituição filantrópica da cidade.

As lâmpadas recebidas pela Celg devem ser descartadas adequadamente ou recicladas, dependendo do estado e partes da peça. São aceitas lâmpadas novas, usadas, queimadas e até mesmo quebradas.

Marli Elaine Gonçalves, de 54 anos, é funcionária pública e ficou sabendo da campanha pelo Jornal Daqui e trocou quatro lâmpadas queimadas por outras novas. “É muito interessante, eu vou economizar e ainda vai ser de graça”, diz Marli, empolgada com a troca.

As lâmpadas de LED foram feitas exclusivamente para o projeto. Possuem cor neutra, para diminuir exposição excessiva à luz, duração de até 25 mil horas e certificado do Inmetro e economia de 84% de energia. Porém, as incandescentes de 60 W ainda são as mais vendidas por serem mais baratas e de fácil acesso. A campanha não tem data de término prevista, mas o projeto do instituto encerrará no final de janeiro.

Esta notícia não é de autoria do Procel Info, sendo assim, os créditos e responsabilidades sobre o seu conteúdo são do veículo original, exceto no caso de notícias que tenham necessidade de transcrição ou tradução, visto que se trata de uma versão resumida pelo Procel Info. Para acessar a notícia em seu veículo original, clique aqui.
  
Veja aqui a lista completa
Imagem para contabilização de acessos a páginas
Envie a um amigo
Imprimir
pixel
Imagem para contabilização de acessos a páginas