pixel
 
pixel
pixel
cadastro | dúvidas | fale conosco | links | mapa do site  
pixel
pixel
Busca:
pixel
pixel
pixel
pixel

Áreas Temáticas

Resultados do Procel

Selo Procel Edificações

Pesquisa de Posse e Hábitos

Potencial de EE para Indústria

Eficiência nas escolas

Aquecimento solar de água

Dicas
  Você está em: Procel Info »  Notícias e Reportagens »  Notícias
Notícias
voltar

25.11.16
|
Gestores e cientistas do Brasil e da Alemanha avaliam desenvolvimento urbano sustentável
Fonte: iBahia - 24.11.2016
Brasil - A quinta edição do Diálogo Brasil-Alemanha de Ciência, Pesquisa e Inovação, em 29 e 30 de novembro, reunirá na Câmara Municipal de São Paulo gestores urbanos e pesquisadores dos dois países para debater questões relacionadas à urbanização, seus desafios e soluções.

Com o tema “The City of Tomorrow – Tackling Urban Challenges and Opportunities”, a conferência, realizada anualmente pelo Centro Alemão de Ciência e Inovação - São Paulo (DWIH-SP), tem a colaboração neste ano da Fapesp, FGV Projetos, Escola do Parlamento da Câmara Municipal de São Paulo e Ministério Federal das Relações Externas da Alemanha.

Os debates foram estruturados em três painéis principais, que discutirão: “Planejamento Urbano e Governança”, “Meio Ambiente” e “Desafios Urbanos e Oportunidades”.

O primeiro painel, sobre planejamento urbano e governança, terá foco em revitalização, cidades criativas e conflitos urbanos a partir da gestão de interesses divergentes.

O último painel promoverá o debate sobre os desafios e as oportunidades urbanas, com foco nas contribuições para uma parceria entre Brasil e Alemanha no tema urbanização para cidades sustentáveis.

O secretário Municipal de Desenvolvimento Urbano de São Paulo, Fernando Mello Franco, tratará da experiência paulistana. Para ele, a cidade deve lidar com um déficit habitacional em meio a um contexto de crescimento demográfico e de limitações de expansão horizontal e vertical.

Conjunto de mecanismos

O secretário explica que o Plano Diretor Estratégico estabelece um conjunto de mecanismos que visam à construção de uma política habitacional. “Tais instrumentos fazem cumprir a função social da cidade, dando um horizonte de que o problema habitacional só se resolverá em longo prazo, mas é solucionável”, afirma.

O tema revitalização será apresentado por Washington Fajardo, presidente do Instituto Rio Patrimônio da Humanidade (IRPH) e do Conselho Municipal de Proteção do Patrimônio Cultural do Rio de Janeiro. Para ele, não é possível dissociar a recuperação do patrimônio cultural da recuperação dos centros urbanos históricos. “O que a prefeitura do Rio de Janeiro fez, ao priorizar o centro da cidade, com projetos como o Porto Maravilha, é muito estratégico para o desenvolvimento urbano e faz uma inflexão na lógica vigente nos últimos 40 anos”, avalia.

Meio ambiente

O segundo painel, dedicado ao meio ambiente, será desdobrado nos subtemas “Eficiência Energética e Clima Urbano” e “Gestão de Água e Resíduos”, com debates sobre energia para o desenvolvimento sustentável, ecologia urbana, planejamento ecológico integrado, tratamento de água e gestão hídrica urbana.

No que se refere à energia, o palestrante Gilberto Jannuzzi, professor da Faculdade de Engenharia Mecânica da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), defende a necessidade de se criar novos modelos de negócio compatíveis com a evolução dos serviços de energia, que possam contribuir para tornar as cidades mais sustentáveis. Para ele, devem ser disponibilizadas infraestrutura, tecnologias e redes mais eficientes, que tornem o próprio consumidor agente da produção energética.

Quanto à gestão de recursos hídricos, a palestrante Angelika Fink, gerente do laboratório Hessenwasser GmbH, ressalta que é preciso ir além da questão de fornecimento de água potável e do tratamento de águas residuais, priorizando-se uma abordagem global para que haja uma gestão sustentável e integrada da água.

O último painel promoverá o debate sobre os desafios e as oportunidades urbanas, com foco nas contribuições para uma parceria entre Brasil e Alemanha no tema urbanização para cidades sustentáveis. Também nesta etapa serão apontadas conclusões sobre os tópicos discutidos e priorizados inputs de perspectiva prática.

A programação completa e a ficha de inscrição estão disponíveis no endereço bit.ly/cityoftomorrow.

Esta notícia não é de autoria do Procel Info, sendo assim, os créditos e responsabilidades sobre o seu conteúdo são do veículo original, exceto no caso de notícias que tenham necessidade de transcrição ou tradução, visto que se trata de uma versão resumida pelo Procel Info. Para acessar a notícia em seu veículo original, clique aqui.
  
Veja aqui a lista completa
Imagem para contabilização de acessos a páginas
Envie a um amigo
Imprimir
pixel
Imagem para contabilização de acessos a páginas