pixel
 
pixel
pixel
cadastro | dúvidas | fale conosco | links | mapa do site  
pixel
pixel
Busca:
pixel
pixel
pixel
pixel

Áreas Temáticas

Resultados do Procel

Selo Procel Edificações

Pesquisa de Posse e Hábitos

Potencial de EE para Indústria

Eficiência nas escolas

Aquecimento solar de água

Dicas
  Você está em: Procel Info »  Notícias e Reportagens »  Notícias
Notícias
voltar

31.01.17
|
Programa de Eficiência Energética vai investir R$ 2,6 milhões em 21 empresas baianas
Fonte: Procel Info - 31.01.2017
Bahia - A fábrica da Cristal Pigmentos do Brasil localizada em Camaçari será a maior beneficiada com a substituição de 50 motores antigos por novos mais eficientes. Serão disponibilizados R$ 2,6 milhões para o projeto que bonificará 21 empresas visando à eficiência energética.

Vinte e uma empresas instaladas na Bahia foram selecionadas pela Coelba para receber subsídios para substituição de motores antigos por novos mais eficientes e de melhor rendimento. O projeto, que integra o Programa de Eficiência Energética, regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), concede descontos que variam de R$ 244 a R$ 22.157. No total, a Coelba está disponibilizando R$ 2,6 milhões, com o objetivo de incentivar a economia de energia de empresas e indústrias.

A maior beneficiada no projeto será a Cristal Pigmentos do Brasil, com bônus de R$ 513.551 para a substituição de 50 motores em sua unidade localizada em Camaçari. A substituição deve reduzir o consumo de energia elétrica. Outras 20 empresas foram selecionadas pelo projeto que deve proporcionar uma redução de 4.070,71 MWh/ano, equivalente ao consumo de aproximadamente 2.450 residências.

Será firmado contrato entre a concessionária e as empresas selecionadas. A substituição dos motores elétricos deve ser executada no prazo de até cinco meses. Com o término da execução da troca dos motores e apresentação dos documentos comprobatórios à distribuidora, o consumidor receberá o bônus preestabelecido, de acordo com a potência e classe de rendimento do motor. Com o objetivo de evitar que os motores antigos sejam descartados de maneira incorreta ou reutilizados, os equipamentos substituídos deverão ser descartados por empresas especializadas, definidas pela Coelba, ou pelo fabricante do motor novo.

Conforme as regras técnicas do projeto, serão substituídos motores trifásicos, com potência entre 1 cv (cavalo-vapor) e 250 cv, fabricados até 2009. Todos os motores antigos a serem substituídos deverão estar em operação e possuir regime de funcionamento de, no mínimo, 3.000 horas/ano. Os motores novos trifásicos devem pertencer às classes de rendimento IR2 (alto rendimento) com Selo Procel ou IR3 (Premium). Ainda para os motores novos trifásicos, para determinadas faixas de potência e número de polos, é obrigatório que o motor seja etiquetado pelo Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE).

* Com informações da Coelba
  
Veja aqui a lista completa
Imagem para contabilização de acessos a páginas
Envie a um amigo
Imprimir
pixel
Imagem para contabilização de acessos a páginas