pixel
 
pixel
pixel
cadastro | dúvidas | fale conosco | links | mapa do site  
pixel
pixel
Busca:
pixel
pixel
pixel
pixel

Áreas Temáticas

Resultados do Procel

Selo Procel Edificações

Pesquisa de Posse e Hábitos

Potencial de EE para Indústria

Eficiência nas escolas

Aquecimento solar de água

Dicas
  Você está em: Procel Info »  Notícias e Reportagens »  Notícias
Notícias
voltar

26.09.16
|
Procobre orienta consumidores baianos sobre projeto para troca de motores
Fonte: Jornal Grande Bahia - 26.09.2016
Bahia - Para que empreendedores de atividades industriais, comerciais e agrícolas possam se beneficiar do bônus oferecido por distribuidoras de energia elétrica para troca de motores, o Procobre (Instituto Brasileiro do Cobre) apresentou o Guia Técnico sobre Motor Premium para os participantes do workshop realizado pela Coelba, no último dia (20/09/2016), em Salvador. O guia ajuda a selecionar o melhor motor para cada atividade e as formas de operação que permitem ampliar a eficiência, confiabilidade e durabilidade do equipamento.

A apresentação fez parte do programa de eficiência energética conduzido pela Aneel, que tem aderência da Coelba para a troca de motores antigos por novos. A concessionária distribuidora oferecerá valores de R$ 244,00 a R$ 22.157,00, num montante de recursos que alcança os R$ 2,6 milhões para o programa.

O projeto, que além da Coelba, conta com a Celpe e Cosern, do Grupo Neoenergia, e outras oito distribuidoras, começou a ser oferecido aos consumidores finais de energia elétrica agora no mês de setembro, tendo as três distribuidoras nordestinas liderando a chamada pública.

Segundo Renata Honda, engenheira mecânica e coordenadora de projetos do Procobre, empreendimentos que utilizam força motriz – isto é, motores elétricos – podem se candidatar ao bônus para trocar motores antigos por novos mais eficientes, para reduzir a conta de energia elétrica e ganhar produtividade. “Na indústria, os motores representam a maior parte do consumo de energia, muito em função da prática de recondicionamento, que torna os motores antigos menos eficientes.” De acordo com Ministério de Minas e Energia (MME), o setor consome 43,7% de toda energia elétrica nacional e a força motriz em operação usa 68% dessa energia elétrica, sendo 30% consumida por motores elétricos.

Segundo a Abraman (Associação Brasileira de Manutenção e Gestão de Ativos), os motores utilizados no Brasil têm idade média de 17 anos. Essa defasagem revela a cultura brasileira de reformar motores ao invés de trocá-los por novos. “Hoje existe uma equivalência no número de motores novos e reformados. Isso é algo extremamente preocupante, porque o uso de motores recondicionados aumenta o custo operacional e o desperdício de energia elétrica.” Segundo Honda, investir em eficiência energética é mais barato do que investir na produção de qualquer outra fonte de energia. “A substituição de motores elétricos antigos por motores premium, de alta performance, com maior presença de cobre, diminui o peso da fatura de consumo, aumenta a produtividade e reduz os custos de manutenção.

À apresentação do guia na Coelba, antecederam as orientações aos consumidores da Cosern, no dia 15 deste mês e da Celpe, no dia 13.

Esta notícia não é de autoria do Procel Info, sendo assim, os créditos e responsabilidades sobre o seu conteúdo são do veículo original, exceto no caso de notícias que tenham necessidade de transcrição ou tradução, visto que se trata de uma versão resumida pelo Procel Info. Para acessar a notícia em seu veículo original, clique aqui.
  
Veja aqui a lista completa
Imagem para contabilização de acessos a páginas
Envie a um amigo
Imprimir
pixel
Imagem para contabilização de acessos a páginas